MICROENCICLOPÉDIA
Micro-organismos,

Microcoisas,
Nanocenas
e seus amigos de A a Z


Um micro-organismo também é um ser vivo! Lá porque não se veem não quer dizer que não existam! São 7 000 000 000 000 (ou mais) e estão em todo lado!” (in Manifesto da Ciência quase Invisível).
Em Julho de 2010, a Associação da Defesa dos Micro-organismos – ADM – organizou, pela mão da Prado, o seu primeiro Congresso Universal no Pavilhão de Conhecimento em Lisboa. Aquele que era inicialmente um pequeno grupo de microamigos unidos pela luta de uma microvoz num mundo que é surdo em relação ao que não vê, cedo se tornou em mais um encontro entre monstros artísticos.
Assim, é com muito prazer que apresentamos o segundo livro (único e numerado)da Prado, desta feita fruto deste encontro entre micro-organismos e gigantes da literatura e da ilustração. A não perder!
Autores
Afonso Cruz, André e. Teodósio, António Carlos Cortez, António Saraiva (dr Bakali), Joana Bértholo, José Maria Vieira Mendes, Maria João Lima (ilustração), Patrícia Portela, Pedro Medina Ribeiro e Rita Taborda Duarte.
Edição:
Isabel Garcez
Conceito e Produção:
Patrícia Portela, Isabel Garcez, Helena Serra, Pedro Pires

"Já estávamos habituados ao alto exercício imaginativo de Patrícia Portela e dos seu amigos de geração da Associação Cultural Prado, mas - sinceramente - não estávamos preparados para acolher o fervor irreal e imagético presente na Micro Enciclopédia. Micro-organismos. Microcoisas. Nanocenas e seus Amigos de A - Z.
Cavalgando um discurso aparentemente epistemológico, a imaginação dos participantes no livro supera todos os limites, fazendo-nos penetrar num universo fantasmático e surreal, até onírico.
É um livro a não perder e até a consultar sempre que a microvida domine o nosso ânimo."
Miguel Real

“É como o ditado, mas um pouco diferente. Os que os olhos não vêem a ciência comprova e a literatura inventa. Eis o espírito do segundo projecto da Associação Prado (...)
um projecto no minímo surpreendente: compor uma microenciclopédia em que só cabem micro-organismos, micro-coisas, nano-cenas e demais amigos.
Um dicionário de A a Z com entradas curtíssimas, algumas sobre existências reais outras (ainda que pequenas), outras fantasiosas. (...)”
Jornal de Letras

Pode encomendar já o seu exemplar e tentar garantir o número que deseja!
Encomendas:  serra.helena@gmail.com


vídeo (lançamento em 22 de maio de 2014)

<!--[if gte mso 9]><xml> Normal 0 21 false false false MicrosoftInternetExplorer4 </xml><![endif]--> Microenciclopédia
 
"Já estávamos habituados ao alto exercício imaginativo de Patrícia Portela e dos seu amigos de geração da Associação Cultural Prado, mas - sinceramente - não estávamos preparados para acolher o fervor irreal e imagético presente na Micro Enciclopédia. Micro-organismos. Microcoisas. Nanocenas e seus Amigos de A - Z.
Cavalgando um discurso aparentemente epistemológico, a imaginação dos participantes no livro supera todos os limites, fazendo-nos penetrar num universo fantasmático e surreal, até onírico.
É um livro a não perder e até a consultar sempre que a microvida domine o nosso ânimo."
Miguel Real
 
“É como o ditado, mas um pouco diferente. Os que os olhos não vêem a ciência comprova e a literatura inventa. Eis o espírito do segundo projecto da Associação Prado (...)
um projecto no minímo surpreendente: compor uma microenciclopédia em que só cabem micro-organismos, micro-coisas, nano-cenas e demais amigos.
Um dicionário de A a Z com entradas curtíssimas, algumas sobre existências reais outras (ainda que pequenas), outras fantasiosas. (...)”
 
Jornal de Letras
<!--[if gte mso 9]><xml> </xml><![endif]--><!--[if gte mso 10]> <!-- /* Style Definitions */ table.MsoNormalTable {mso-style-name:"Table Normal"; mso-tstyle-rowband-size:0; mso-tstyle-colband-size:0; mso-style-noshow:yes; mso-style-parent:""; mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt; mso-para-margin:0cm; mso-para-margin-bottom:.0001pt; mso-pagination:widow-orphan; font-size:10.0pt; font-family:"Times New Roman"; mso-ansi-language:#0400; mso-fareast-language:#0400; mso-bidi-language:#0400;} > <! [endif] >




imagens